sexta-feira, 13 de maio de 2011

SPOTLIGHT


Eu sou o iluminador, atento e pronto.
Perto do palco, sempre. De frente pra ele
Tudo aquilo que sei, eu esqueço
O que a noite trará, desconheço...
É verdade que o roteiro já me foi apresentado
E que os atores, nas coxias, são todos meus amigos...
Ah, mas quando lanço no escuro teatro a luz do dia
Não há texto que persista, ou que resista ao momento
Cada instante é novo e único, no palco e fora dele
E vem você e me fala em representar emoções?
Em cumprir um papel? Em fixas atribuições?
Lêem-se textos, decoram-se idéias,
Repetem-se os poemas...
Só se transmite o que se sente
E isto não se pode prever.


Eu direciono a mente
É a minha sombra que reflete
A minha luz que compromete
Na cena, a doce canção à meia luz
No claro incontestável, é diferente.
E a Prima Dona, sem o meu brilho, que seduz
É só mais uma adolescente.
Eu mudo tudo! Eu escolho.
Sou eu que excluo ou acolho
A cor que eu lanço em tua face
É que te faz grande ou forte
Lenta ou triste, pálida, louca ou cruel...
Tanto, que o mal que me fazem
Não é mais que delírio meu
Só te dói o tapa que recebes, que tu aceitas
O rosto é teu. Todo teu!
Se te amo, é que escolho ter em ti a luz suprema
O amor que te dedico, o que explicito
Sou eu sempre. E sempre sou eu.

tavi de ÁSGARÐ 04/2011

4 comentários:

Dorei Fobofílica disse...

Este foi um dos textos mais sensatos que já li, a despeito da sutileza com que foram colocadas certas questões, realmente, roteiro a ser seguido é algo que não compatibiliza com emoções tão fortes. Também eu esqueço de seguí-los, porque sou fogo que arde desgovernado de desejo.

Paabéns!!!

Se me permitir, gostaria de por teu texto em meu blog, com os devidos créditos e link para teu blog. Estarei aguardando resposta.

Beijos!

tavi de ÁSGARÐ disse...

Muito obrigada pelo comentário, e pela sua percepção do texto.
Fique a vontade para coloca-lo em teu blog.
Beijos com carinho!

{sub-mara}LORD DEIMOS disse...

Olá tavi,
passando para conhecer e seguir teu blog, parabéns ele é lindo e vc escreve lindamente.
Beijos...

tavi de ÁSGARÐ disse...

Seja muito bem-vinda por aqui, sub-mara. E obrigada por sua visita e comentário!

=)

tavi